São Paulo Polícia detém suspeitos de assaltar médica em posto de saúde de SP

Polícia detém suspeitos de assaltar médica em posto de saúde de SP

Vítima estacionava o carro quando foi surpreendida pelos suspeitos. Após o crime, houve uma perseguição para detê-los

  • São Paulo | Kaic Sousa*, da Agência Record

Eles quebraram o vidro do carro da médica e roubaram o celular dela

Eles quebraram o vidro do carro da médica e roubaram o celular dela

Reprodução - 24.08.2022

Um homem de 21 anos foi preso e dois adolescentes de 17 foram detidos sob suspeita de terem assaltado uma médica no estacionamento de uma UBS (unidade básica de saúde) no bairro Parque Fernanda, na zona oeste de São Paulo, durante a manhã desta quarta-feira (24).

Imagens do lado externo da UBS mostram o momento em que a vítima entra com o carro no estacionamento, por volta das 7h55. Na sequência, um Ford Focus prata para pouco à frente da entrada, e dois homens, que estavam no banco de trás, descem do carro.

Os rapazes disfarçam e entram no estacionamento. Por meio de imagens de uma câmera de circuito interno do estacionamento, é possível ver que os suspeitos procuram o veículo da vítima. Ao o encontrarem, os homens disfarçam e se aproximam lentamente, enquanto a vítima estaciona o carro.

Um deles espera a vítima concluir a manobra para estacionar, aproxima-se do carro, quebra o vidro do lado do passageiro, rouba o celular da vítima e em seguida foge, junto com o parceiro.

Nas imagens, é possível ver que um deles quase cai durante a fuga. Os homens retornaram ao carro prata, que os aguardava no mesmo local em que haviam desembarcado, e fugiram.

Equipes da 3ª Companhia do 12° Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M) realizavam um patrulhamento pela área da Vila Olímpia quando receberam via rádio os dados da placa de um Ford Focus que havia sido usado para a prática de um crime na região do Campo Limpo.

Os policiais iniciaram a busca e encontraram o veículo na avenida Eusébio Matoso. No momento em que eles fariam a abordagem, dois suspeitos saíram do carro e tentaram fugir a pé, mas foram detidos.

O condutor do carro também tentou fugir, e então teve início uma perseguição, que terminou na rua Cristalândia, a cerca de 3 quilômetros do local inicial da abordagem, pois o automóvel do suspeito bateu em um poste.

De acordo com um agente que participou da ocorrência, os três homens têm passagem pela polícia.

Com a dupla que tentou fugir a pé, foram encontrados dois celulares, sendo um deles o aparelho da vítima e o outro de um dos detidos. No veículo, foram encontrados dois celulares e dois objetos usados para facilitar a quebra do vidro do carro. O caso foi registrado no 14° DP (Pinheiros).

*Estagiário sob supervisão de Letícia Dauer, da Agência Record

Últimas