São Paulo Polícia faz buscas para encontrar homem que matou ex e sogra em SP

Polícia faz buscas para encontrar homem que matou ex e sogra em SP

Investigadores procuram suspeito de feminicídio em 16 endereços e imagens do veículo utilizado para a fuga podem ajudar a encontrá-lo

  • São Paulo | Do R7

Ex-namorado mata mãe e filha durante comemoração de aniversário

Ex-namorado mata mãe e filha durante comemoração de aniversário

Reprodução Record TV

A polícia tem informações que podem ajudar a localizar o homem suspeito de matar a namorada, de 18 anos, e a ex-sogra, de 38 anos, em Guaianases, na zona leste de São Paulo. O crime ocorreu na segunda-feira (12) durante a comemoração do aniversário da jovem. 

O feminicídio ocorreu na rua da Fé, número 289, na Vila Marilena, região de Guaianases, zona leste da capital. O homem também feriu o ex-sogro, que teve de ser hospitalizado. 

Imagens obtidas pela polícia mostram um carro que ele teria utilizado para fugir podem ajudar nas investigações. Além disso, os investigadores fizeram buscas em 16 endereços para encontrá-lo.

Leia mais: A cada cinco vítimas de feminicídio em SP, duas viviam com marido

O veículo foi rastreado e localizado pela polícia. Na quarta-feira (14), foi decretada a prisão temporária do homem. A filha do casal permanece com a avó paterna.

O caso

A jovem Nathália Saldanha, de 18 anos, e a mãe dela, Priscila Saldanha, foram assassinadas por Luiz Felipe, de 29 anos. Valdique, ex-sogro, está internado em estado grave.

Segundo testemunhas, a família estava reunida em uma comemoração, quando Luiz Felipe invadiu a festa, e sem dizer nada, partiu para cima dos familiares de Nathália com uma faca. A primeira a ser atingida foi a ex-sogra, Priscila. Na sequência, o ex-sogro, Valdique, foi atacado, e por último, Nathália.

Priscila chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do hospital. Nathália não resistiu aos ferimentos, e morreu no local. Valdique está internado em estado grave.

A polícia foi até a casa do homem, mas ele não foi encontrado. As autoridades continuam em busca do assassino. O homem fugiu do local, levando a filha do casal, de dois anos.

De acordo com informações da família, o crime pode ter sido premeditado, já que Luiz Felipe foi até a casa da ex-namorada, horas antes para buscar a criança. Ainda segundo a família, o casal estava separado há alguns meses.

De acordo com a Polícia Civil, a polícia ainda segue em diligência para tentar localizar a filha do casa. Segundo o investigador do 53° DP do Parque do Carmo, as diligências permanecem e por enquanto ainda não há indícios do paradeiro da criança e do homem.

Últimas