São Paulo Polícia prende sete suspeitos de golpe do falso emprego em SP

Polícia prende sete suspeitos de golpe do falso emprego em SP

Golpistas divulgavam falsas vagas de trabalho para atrair as vítimas na internet. Prisões ocorreram nesta segunda-feira (20)

  • São Paulo | Nayara Paiva, da Agência Record*

Caso foi registrado no 69º DP, de São Mateus

Caso foi registrado no 69º DP, de São Mateus

Reprodução/Google Street View

Sete pessoas foram presas suspeitas de aplicar o golpe do falso emprego, nesta segunda-feira (20), em São Mateus, na zona leste da cidade de São Paulo.

Investigações realizadas pelo 69º Distrito Policial de São Mateus, apontaram um grupo que aplicava o golpe do falso emprego. Os golpistas divulgavam em sites falsas vagas de trabalho para atrair as vítimas.

Os interessados entravam em contato com a agência e eram convidados para uma entrevista presencial. No local, após a entrevista, era oferecido à vítima um curso de aperfeiçoamento.

Os golpistas faziam a vítima acreditar que ao contratar o curso de aperfeiçoamento a vaga estava praticamente garantida. Vulnerável, a pessoa aceitava participar do curso pagando aos estelionatários valores que geralmente eram parcelados em até seis vezes. Após o término do curso os golpistas sumiam e a vítima ficava sem o emprego.

Durante a ação realizada nesta segunda-feira (20), três homens e quatro mulheres foram presos em flagrante enquanto aplicavam o golpe em uma pessoa.

A polícia identificou outras quatro vítimas. No interior do estabelecimento, foram encontrados documentos pessoas de outras pessoas que caíram no golpe.

De acordo com a investigadora, os três homens serão encaminhados para carceragem do 49º DP de São Mateus. As quatro mulheres serão conduzidas ao 89º DP do Morumbi.

O caso foi registrado na 69º Delegacia de São Mateus. Os suspeitos responderão por organização criminosa, estelionato e apropriação de documento público.

*estagiária, sob supervisão de Marcos Rosendo

Últimas