São Paulo Polícia prende suspeitos de manter homens reféns na zona leste de SP

Polícia prende suspeitos de manter homens reféns na zona leste de SP

Vítimas estavam amarradas, amordaçadas e com sinais de violência

Polícia localiza cativeiro de tribunal de crime na zona leste de SP

Quatro homens foram presos sob a suspeita de manter outros quatro em cárcere privado em um cortiço, na rua Barra do Turvo, na Mooca, zona leste de São Paulo, na tarde deste domingo (14).

De acordo com a Polícia Militar, os quatro reféns fazem parte da facção Comando Vermelho do Rio de Janeiro e seriam executados por membros do PCC (Primeiro Comando da Capital) de São Paulo, que descobriu que os membros da facção rival estavam na região para traficar drogas.

No vídeo divulgado um dos policiais entra no local e solta os homens que estavam em um quarto escuro, amarrados, amordaçados e com sinais de violência. Nas imagens, o policial também pergunta o motivo deles estarem ali e um dos reféns responde: "O pessoal está achando que nós temos envolvimento com o CV".

De acordo com informações do 45º Batalhão da Polícia Militar, a polícia recebeu denúncias anônimas e ao chegarem no local, os cinco suspeitos tentaram fugir, mas foram detidos.

O caso está sendo investigado pelo 8º Distrito Policial do Brás.