São Paulo Polícia procura homem que espancou criança no Guarujá (SP)

Polícia procura homem que espancou criança no Guarujá (SP)

Vídeo divulgado nas redes sociais mostra padrasto batendo em menino no bairro de Morrinhos. Caso foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher

Vídeo de padrasto espancando criança e choca bairro em Guarujá

Homem espancou enteado em Guarujá, litoral de São Paulo

Homem espancou enteado em Guarujá, litoral de São Paulo

Reprodução

Um vídeo de um homem espancando uma criança se espalhou pela internet nesta semana. O caso ocorreu em Guarujá, litoral de São Paulo, e está a cargo da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) da cidade.

Leia mais: Mulher é morta a facadas pelo ex-marido, em Vargem Grande Paulista

Sob condição de anonimato, uma moradora de Morrinhos, bairro onde ocorreu a agressão, falou à reportagem do R7 sobre a reação das pessoas da região após o ocorrido.

“Aqui no bairro estão todos assustados com a atitude dele”, disse a ela sobre o homem, que é padrasto do garoto.

No local, segundo a moradora, o homem é conhecido pelo apelido de Amaral.

No vídeo, o homem dá chineladas no enteado, ergue a criança pelo pescoço e a joga em uma cama.

Em nota, a SSP (Secretaria de Segurança Pública) afirmou que a Polícia Civil do Guarujá, em conjunto com o Ministério Público e o Conselho Tutelar, analisou as imagens divulgadas em redes sociais e conseguiu identificar o autor das agressões.

Veja também: 'Maníaco do facão' é reconhecido e preso em Mogi das Cruzes

Segundo o comunicado, foi registrado um boletim de ocorrência na Delegacia de Defesa da Mulher do Guarujá e o agressor foi indiciado pelo crime de tortura. Diligências estão em andamento para localizar e prender o autor.