São Paulo Polícia trabalha com três hipóteses para morte de ator em SP

Polícia trabalha com três hipóteses para morte de ator em SP

Homicídio, suicídio e causas naturais são cogitados como causas do óbito de ator encontrado com cabeça coberta por saco plástico

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

Amigos e ex-companheiro do ator serão ouvidos pela polícia

Amigos e ex-companheiro do ator serão ouvidos pela polícia

Reprodução/Instagram

A Polícia Civil de São Paulo considera três hipóteses para explicar a morte do ator Luiz Carlos Araújo, de 42 anos: suicídio, homicídio e causas naturais. No último sábado (11), ele foi encontrado morto em seu apartamento, na zona central de São Paulo, com a cabeça coberta por um saco plástico preto.

"Nós não estamos desconsiderando nenhuma hipótese. Estamos aguardando provas fundamentais, técnicas, como o laudo do IML (Instituto Médico Legal) e também o laudo do IC (Instituto de Criminalística)", afirmou o delegado Roberto Monteiro à Record TV, nesta terça-feira (14).

Além dos laudos, contou Monteiro, as investigações também se debruçarão sobre as relações pessoais do ator. Amigos que iam junto com o ator à academia e frequentavam sua casa prestarão depoimento, assim como um suposto ex-companheiro do ator. 

Luiz Carlos foi encontrado morto dentro de um apartamento sem sinais de arrombamento, invasão por meio da sacada ou assalto de bens. O ator se destacou por sua participação na novela Carinha de Anjo, do SBT, e em outras peças de teatro. Ele tinha 42 anos. 

Câmeras de segurança podem revelar detalhes sobre a morte do ator Luiz Carlos Araújo 

Últimas