São Paulo Policiais de SP e do DF fazem operação contra 'golpe do motoboy'

Policiais de SP e do DF fazem operação contra 'golpe do motoboy'

Homens se passam por funcionários de bancos e dizem que motoboy irá retirar um cartão. Quatro suspeitos foram presos

  • São Paulo | Edilson Muniz, da Agência Record

As polícias civil de São Paulo e do Distrito Federal prenderam, na manhã desta quinta-feira (2) quatro homens suspeitos de aplicar o "golpe do motoboy". A operação realizadas de forma conjunta pela polícia dos dois estados cumpriu 19 mandados de busca e apreensão e outros quatro de prisão contra o grupo.

A polícia apreendeu ainda duas armas, cartões de bancos, eletrônicos, documentos e carros de luxo. Os suspeitos se passavam por enviados de instituição bancária para retirar o cartão supostamente clonado da vítima.

Polícia faz operação para desarticular grupo que aplicava 'golpe do motoboy'

Polícia faz operação para desarticular grupo que aplicava 'golpe do motoboy'

Reprodução Record TV

Para aplicar o golpe, os suspeitos ligavam para clientes de instituições bancárias e se passavam por funcionários, dizendo que um motoboy iria retirar o cartão clonado. Dessa forma, convenciam as vítimas a passarem os dados e entregarem o cartão a um suposto motociclista.

Na operação atuaram 55 policiais do Departamento de Operações Especiais e Estratégicas (DOPE), outros 30 da Polícia Civil do Distrito federal e cerca de 28 viaturas, além do apoio do helicóptero Pelicano do Serviço Aerotático da Polícia Civil.

Os agentes se reuniram no Palácio da Polícia Civil de São Paulo para começar as ações na manhã desta quinta-feira. Os agentes cumpriram mandados busca e apreensão e de prisão temporária na capital e em São Caetano do Sul relacionados a golpes com retirada de cartões bancários das vítimas por supostos motoboys.

Últimas