Coronavírus

São Paulo Prefeito de Andradina (SP) leiloa carros de luxo para combater covid

Prefeito de Andradina (SP) leiloa carros de luxo para combater covid

Três veículos, avaliados em quase R$ 180 mil, eram usados por prefeito Mario Lopes (PSDB) e secretários para viagens 

Carros são expostos no portal de entrada de Andradina (SP) para atrair compradores

Carros são expostos no portal de entrada de Andradina (SP) para atrair compradores

Divulgação Prefeitura Andradina

O prefeito de Andradina, no interior de São Paulo, anunciou, na terça-feira (23), que vai leiloar três carros de luxo para reverter os valores arrecadados no combate contra a covid-19 no município. Os veículos haviam sido utilizados por Mario Celso Lopes (PSDB) e secretários municipais para viagens. 

Os modelos são um Ford Fusion Titanium avaliado em R$ 67.295,00, Audi A4, avaliado R$ 53.024,00 e um VW Virtus MSI avaliado R$ 58.715,00. Os três carros foram adquiridos pelas Administrações Jamil Ono e Tamiko Inoue.

No dia 1º de janeiro, segundo a prefeitura, Mario Lopes determinou o recolhimento dos veículos e passou a usar condução própria para ir trabalhar e também em viagens oficiais. O mesmo ocorre com secretários municipais que, de acordo com a administração municipal, viajam com veículos coletivos de aplicativo.

Os carros ficarão expostos na entrada da cidade na avenida Guanabara. O local público foi escolhido pela prefeitura para atrair possíveis compradores, enquanto o processo de licitação para a venda dos carros é concluído.

Segundo a avaliação da Tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), a soma dos três veículos renderia R$ 179.034,00. "Vamos investir o dinheiro no combate ao coronavírus. Estamos de olho na situação emergencial e trazendo recursos para o combate ao coronavírus", Lopes.

Além disso, na semana passada, o prefeito comprou equipamentos para a instalação de 20 novos leitos de UTI covid-19 na CAC (Central de Atendimento ao Covid de Andradina). A prefeitura comprou ainda os respiradores diretamente da fábrica, além dos demais insumos necessários para a ativação dos leitos que devem começar a ser entregues ainda esta semana.

O objetivo é a instalação de leitos profissionais e não de campanha. Segundo ele, será a única UTI covid-19 do país a ter aparelhos de hemodiálise conectados.

Últimas