Coronavírus

São Paulo Prefeitura de SP amplia grupo da saúde que pode receber vacina

Prefeitura de SP amplia grupo da saúde que pode receber vacina

Poderão ser imunizados trabalhadores de hospitais públicos municipais e estaduais e da rede de atenção à saúde municipal

  • São Paulo | Do R7

Prefeitura de SP amplia vacinação para profissionais da saúde nesta quarta-feira (17)

Prefeitura de SP amplia vacinação para profissionais da saúde nesta quarta-feira (17)

Sebastião Moreira/EFE - 21.01.2021

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de São Paulo, por meio da Coordenadoria de Vigilância em Saúde, amplia nesta quarta-feira (17), a vacinação de profissionais da área de saúde e de outras relacionadas. Com isso, passam a poder receber a imunização profissionais que atuam nas equipes de ambulâncias, sepultadores e motoristas de funerária.

Além desses, poderão receber a vacina trabalhadores da saúde dos hospitais públicos municipais e estaduais, da rede de Atenção à Saúde Municipal (Secretaria Municipal da Saúde, Coordenadorias Regionais de Saúde, e Supervisão Técnica de Saúde), trabalhadores de saúde de Serviços de Diagnóstico na Cidade de São Paulo: que realizam coleta e análise de amostra de RT-PCR SARS CoV2 e exames de imagem (RX e Tomografia).

Também fazem parte do grupo que receberá o imunizante a partir dessa quarta-feira, trabalhadores de saúde das equipes de serviços de ambulância, na cidade de São Paulo, que fazem transporte e remoção de pacientes com covid-19, profissionais sepultadores, veloristas, cremadores e condutores de veículos funerários, como trabalhadores das equipes de IML, profissionais auxiliares de necrópsia, médicos legistas e atendentes de necrotério.

Esse grupo novo se junta ao dos colaboradores dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), Centros Especializados em Reabilitação (CER) e Centros de Convivência e Cooperativa (Ceccos). Também podem ser vacinados aqueles que trabalham nas Unidades de Referência à Saúde do Idoso (URSI), Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), Serviço de Atenção Especializada (SAE), Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), Ambulatório de Especialidades (AE), AMA Especialidades, Hospitais Dia (HD), Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (CRST) e Serviço Integrado de Acolhida Terapêutica (SIAT).

De acordo com a prefeitura, profissionais dos Serviços de Saúde são todos aqueles que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência, sejam eles hospitais, clínicas, ambulatórios e outros locais, conforme relação do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde.

A administração municipal afirmou ainda que os funcionários que estiverem no local de trabalho serão vacinados na própria unidade. Além das 468 UBSs do município, a imunização também ocorre em mais cinco postos de drive-thrus e três Centros-Escolas, que começaram a funcionar dia 8 de fevereiro.

Últimas