Novo Coronavírus

São Paulo Prefeitura de SP assina protocolo para reabrir academias

Prefeitura de SP assina protocolo para reabrir academias

Setor voltará a operar, com restrições, a partir da próxima segunda-feira 913), junto com 70 parques da capital paulista

  • São Paulo | Do R7

Prefeitura reviu regra para academias, que deviam abrir na fase 4 da pandemia

Prefeitura reviu regra para academias, que deviam abrir na fase 4 da pandemia

BRUNO ESCOLASTICO/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), assinou nesta sexta-feira (10) a portaria que coloca em vigor o novo protocolo de reabertura de academias, que voltarão a operar a partir da próxima segunda-feira (13), junto com outros 70 parques na capital paulista. Para voltar às atividades, os setores tiveram que submeter seus protocolos à aprovação da vigilância sanitária do município. 

Leia mais: São Paulo flexibiliza quarentena na maior parte do estado

As academias deverão operar apenas com 30% da capacidade ao longo das seis horas por dia em que poderão ficar com as portas abertas. Os exercícios precisarão ser agendados e feitos de forma individual pelos alunos, e haverá ainda restrição do uso de vestiários.

Com a permissão, a Prefeitura de São Paulo decidiu rever a regra para o setor. Inicialmente, a administração municipal havia determinado que a reabertura ocorreria apenas na fase verde da pandemia, classificada pelo Plano São Paulo. Mas, agora decidiu admitir o funcionamento já na fase amarela.

Parques

A princípio, os parques municipais serão reabertos apenas nos dias de semana, das 10h às 16h. Os dois maiores parques da cidade – do Ibirapuera e do Carmo – terão horário ampliado, das 6h às 16h.

Entre as regras que compõem o protocolo para a reabertura, serão fechados os bebedouros e alguns banheiros onde não seja possível respeitar o distanciamento. Banheiros químicos serão instalados nos parques com banheiros fechados. Recomenda-se aos frequentadores que levem água.

Além do controle de acesso nas entradas dos parques, uso de máscara será obrigatório. Os permissionários que vendem alimentos também estão liberados para trabalhar desde que sigam os protocolos de segurança adequados.

A reabertura ocorrerá uma semana após bares, restaurantes e salões de beleza voltarem a funcionar na cidade, e pouco mais de um mês depois de as lojas de rua reabrirem na cidade.

Parques estaduais

Como confirmou o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, dez parques estaduais serão reabertos a partir de segunda.

São eles Água Branca, Villa Lobos, Cândido Portinari, Parque Ecológico do Tietê, Jardim Botânico, Zoológico e Zoosafari – os três últimos operando com 50% de capacidade. Os parques Cantareira e Jaraguá também estarão abertos, mas mediante agendamento.

O horário e os dias de abertura serão os mesmos dos parques municipais, das 10h às 16h, de segunda a sexta-feira.

Assim como para os parques municipais, a recomendação é que os visitantes pratiquem suas atividades físicas individualmente.

Parques temáticos

Os parques temáticos e parques de diversão serão reabertos apenas em 12 de outubro, desde que a região tenha permanecido na fase verde por 28 dias, confirmou o secretário estadual de Turismo, Vinicius Lummertz.

Estes parques irão operar com ocupação máxima de 60%, com controle de acesso, distanciamento de público e compra antecipada de ingressos.

Arte R7

Últimas