Novo Coronavírus

São Paulo Prefeitura de SP deve antecipar vacinação de idosos de 85 a 89 anos

Prefeitura de SP deve antecipar vacinação de idosos de 85 a 89 anos

Secretário municipal de Saúde pretende negociar com o governo a vacinação antecipada para os 70 mil idosos desta faixa etária

Agência Estado
Até agora, vacinação do grupo de idosos de 85 a 89 anos está agendada para 15 de fevereiro

Até agora, vacinação do grupo de idosos de 85 a 89 anos está agendada para 15 de fevereiro

Roberto Costa/Estadão Conteúdo

A prefeitura de São Paulo deve antecipar a campanha de vacinação contra a covid-19 do grupo de idosos com idades entre 85 e 89 anos, que está agendada oficialmente para 15 de fevereiro. O secretário municipal de Saúde de São Paulo, Edson Aparecido, em entrevista ao Estadão, informou que pretende negociar com o governo do Estado a antecipação da vacinação para os cerca de 70 mil idosos dessa faixa etária.

Segundo Edson, do total de 32.837 idosos do grupo acima dos 90 anos, 16.630 já receberam a primeira dose da Coronavac, vacina produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac. "Foi incrível a adesão e muito emocionante. Em um dia e meio vacinamos mais da metade dessa faixa etária", disse ele.

De acordo com Edson, a vacinação do grupo acima dos 90 anos, que começou antecipadamente na sexta-feira (5) tem chance de encerrar antes do previsto por causa da grande adesão.

Segundo a prefeitura, a vacinação foi possível porque todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da capital paulista foram abastecidas na quinta-feira (4), com doses suficientes para essa faixa etária.

Para se vacinar, as pessoas do grupo acima dos 90 anos devem ir até uma das 468 UBS, com atendimento em dias de semana das 7h às 19h. Para os idosos com restrição de mobilidade é necessário agendamento para solicitar o serviço em residência.

A prefeitura recomenda que o idoso seja acompanhado por apenas uma pessoa para evitar aglomerações. Deverão ser seguidos todos os protocolos sanitários vigentes, como distanciamento físico, uso de máscara e higienização com álcool em gel. Para informações sobre endereço e telefone das Unidades Básicas de Saúde, acesse o site buscasaude.prefeitura.SP.gov.br.

Segundo a prefeitura, o município já vacinou 24.171 idosos, sendo 14.371 nas Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) e 9.800 institucionalizados em outros locais. Na terça-feira (9), terá início a vacinação dos profissionais de saúde autônomos com idade acima de 60 anos.

Drive-thru

Além dos postos da rede municipal de saúde, a partir de segunda-feira (8) serão disponibilizados cinco locais em que os idosos poderão ser vacinados sem sair do carro, no sistema drive-thru, e em quatro centros-escolas do município. A vacinação nos drive-thru ocorrerá de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Nas UBS e nos centros-escolas, das 7h às 19h.

Na capital, os postos de drive-thru serão montados na Praça Charles Miller - Estádio do Pacaembu (zona oeste); Neo Química Arena Corinthians (zona leste); Autódromo de Interlagos - rua Jacinto Júlio, Portão EHN (zona sul); Centro de Exposições do Anhembi - rua Olavo Fontoura, portão 38 (zona norte); Igreja Boas Novas - rua Marechal Malet, 611, Parque da Vila Prudente (zona leste).

Os quatro centros-escolas são o da Barra Funda, na Av. Dr. Abrahão Ribeiro, 283; da Vila Mariana, na Rua Ambrosina de Macedo, 94; o Centro-Escola Geraldo de Paula Souza, na Av. Dr. Arnaldo, 925; Centro-Escola Samuel Barnsley Pessoa - Butantã, na Av. Vital Brasil, 1.490.

Para agilizar o atendimento e evitar aglomerações no momento da vacinação, os idosos, seus familiares ou qualquer pessoa que integre o público previsto na campanha podem realizar o pré-cadastramento para a vacinação contra a covid-19 no site Vacina Já.

(Com Agência Brasil)

Últimas