São Paulo Prefeitura de SP inicia vacinação de adultos em situação de rua

Prefeitura de SP inicia vacinação de adultos em situação de rua

Objetivo da Secretaria Municipal de Saúde é imunizar 14 mil pessoas em situação de rua com mais de 18 anos na capital

  • São Paulo | Do R7

População de rua começa ser vacinada

População de rua começa ser vacinada

Reprodução/Instagram SP Invisível

A Prefeitura de São Paulo iniciou nesta quarta-feira (9) a vacinação contra covid-19 que pretende imunizar 14 mil pessoas em situação de rua com mais de 18 anos na capital paulista. A campanha é desenvolvida por equipes do Programa Consultório na Rua, da Secretaria Municipal da Saúde.

Segundo o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, a população de rua “é um público que você não espera vir na UBS para ser vacinado, por isso vamos até ele, através da busca ativa da equipe do Consultório de Rua”.

Conforme as informações da Prefeitura de São Paulo, até a última sexta-feira (4), quando os dados foram atualizados, foram aplicadas 21.754 doses de vacina em pessoas em situação de rua com 60 anos ou mais e pessoas em situação de rua cadastradas em centro de acolhida.

A gestão municipal informou ainda que o usuário recebe da equipe orientações e certificação de vacinação com determinação da 2ª dose conforme recomendação do laboratório fabricante. Posteriormente, a equipe retorna ao centro de acolhida para aplicação da 2ª dose, conforme cronograma pactuado com o gestor do equipamento e prazos do imunizante.

Sobre o Programa Consultório na Rua, a prefeitura afirma que conta com 26 equipes, distribuídas nas seis Coordenadorias Regionais de Saúde. Esses profissionais devem levar as vacinas às pessoas que vivem em situação de rua.

A vacinação será feita das 7h às 19h, até que essa população, que já está cadastrada e tem vínculo com o programa, seja completamente vacinada. Além disso, outras três equipes farão o horário estendido até às 22h.

Últimas