São Paulo Preso suspeito de matar advogado em assalto em bairro nobre de SP

Preso suspeito de matar advogado em assalto em bairro nobre de SP

Câmeras mostram Rafael Ribeiro levando 5 tiros após entrar em confronto com assaltante. Outro homem já havia sido preso

  • São Paulo | Do R7

A Polícia Civil prendeu mais um suspeito pela morte do advogado Rafael Ribeiro durante um assalto em Perdizes, na zona oeste da cidade de São Paulo, em agosto passado. As informações são da Record TV.

O homem foi identificado como Wellington Santos, de 31 anos, e tinha passagens pela polícia por roubo e porte de arma. Ele foi preso no Capão Redondo, na zona sul da capital.

Os investigadores do DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa) acreditam que seja ele o atirador que aparece nos registros da câmera de segurança. Semanas atrás, Patrick Aurelio, outro suspeito de envolvimento no assalto, já havia sido preso.

Câmeras flagraram a ação

Rafael Ribeiro foi morto aos 46 anos

Rafael Ribeiro foi morto aos 46 anos

Reprodução

Câmeras de segurança da rua flagraram a ação do assaltante, que subtraiu o celular de Rafael e pediu que a vítima passasse a senha de desbloqueio.

Rafael então reagiu e entrou em confronto com o homem, que disparou cinco vezes contra ele.

O outro suspeito estava em um carro, posicionado para a fuga. No entanto, o assaltante deixou o celular cair no chão, o que auxiliou os investigadores a encontrarem Patrick, o primeiro a ser preso pelo crime.

Últimas