Novo Coronavírus

São Paulo Procon-SP recebe 6 mil reclamações de consumidores na quarentena

Procon-SP recebe 6 mil reclamações de consumidores na quarentena

Agências de viagens e companhias aéreas correspondem a 78% dos casos registrados entre, seguidos por problemas com farmácias e mercados

Agências de viagens e companhias aéreas lideram reclamações

Agências de viagens e companhias aéreas lideram reclamações

Pixabay

O Procon-SP registrou 6 mil reclamações de consumidores no período da quarentena, sendo mais da metade (52%) contra agências de viagens, totalizando 3.127 casos, de acordo com boletim divulgado neste sábado (9) pelo órgão.

Saiba como se proteger e tire suas dúvidas sobre o novo coronavírus

Em seguida, estão as companhias áreas, que geraram 1.538 reclamações, o que corresponde a 26% do total. Problemas em farmácias/lojas e mercados geraram 670 reclamações (11% do total), com instituições financeiras, 434 (7%) e problemas com ingressos e eventos (2%) e de programas de fidelidade e cruzeiros (1% cada).

Leia também: Saiba como organizar as finanças pessoais durante a quarentena

Outros 8 mil consumidores procuraram o órgão com pedidos de orientação, dúvidas e denúncias no período de março a maio. A quarentena no estado de São Paulo começou no dia 24 de março e foi prorrogada até o dia 31 de maio para conter a pandemia do novo coronavírus

Últimas