Novo Coronavírus

São Paulo Procon-SP vai agir contra alta dos preços de alimentos

Procon-SP vai agir contra alta dos preços de alimentos

Preços de itens da alimentação básica como carne, arroz, feijão e óleo serão discutidos com a Secretaria estadual da Agricultura nesta quinta (10)

Agência Estado
Preços de itens da cesta básica aumentou muito nas últimas semanas

Preços de itens da cesta básica aumentou muito nas últimas semanas

Bruno Rocha - 07.09.2020/Fotoarena/Estadão Conteúdo

O presidente da Fundação Procon - de defesa dos direitos do consumidor - em São Paulo, Fernando Capez, afirmou que a instituição irá agir a partir da próxima semana a respeito do aumento súbito e expressivo no preço de itens da alimentação básica.

Leia também: Governo de SP faz audiência pública para concessão do Ibirapuera

"Sabemos que é uma questão macroeconômica, ligada à alta do dólar e a facilitação da exportação. Por um lado é bom para nossa balança comercial, mas o consumidor não tem nada a ver com isso e não pode ser prejudicado", afirmou Capez em vídeo compartilhado pelos canais da fundação.

Segundo Capez, será realizada nesta quinta-feira (10) uma reunião com a Secretaria estadual da Agricultura, a Associação de Supermercados e produtores. O encontro terá como foco discutir os preços de itens da alimentação básica como carne, leite, ovos, arroz, feijão e óleo.

Leia também: SP poderá escolher o destino de Minhocão através de plebiscito

Na quarta (9) o governador do Estado, João Doria (PSDB), disse que o governo está preocupado com a questão dos preços de produtos da cesta básica e afirmou que havia solicitado a Capez a análise cuidadosa da questão.

Últimas