São Paulo Profissionais da saúde de SP fazem protesto no Hospital Campo Limpo

Profissionais da saúde de SP fazem protesto no Hospital Campo Limpo

Categoria afirma que unidade está com superlotação de pacientes e os trabalhadores estão doentes pelas jornadas extenuantes

  • São Paulo | Rodrigo Martinez, da Agência Record*

Profissionais da saúde de SP fazem protesto no Hospital Campo Limpo, na zona sul

Profissionais da saúde de SP fazem protesto no Hospital Campo Limpo, na zona sul

Reprodução / Facebook

Um grupo de profissionais da saúde faz manifestação em frente ao Hospital Campo Limpo, na rua Teresa Mouco de Oliveira, 71, na Vila Maracanã, zona sul de São Paulo, por melhores condições de trabalho. O ato começou por volta das 10h30 desta sexta-feira (2).

Segundo o Sindsep (Sindicato dos Servidores Municipais de São Paulo), o protesto exige da gestão municipal de Ricardo Nunes (MDB) condições de trabalho para o atendimento à população.

A categoria afirma que a unidade hospitalar da administração direta vem recebendo casos pacientes com covid-19 e demandas de outras patologias, mas está com superlotação. Os  trabalhadores doentes estão com jornadas extenuantes e sem garantias necessárias para o trabalho adequado, segundo o sindicato.

O protesto, que é pacífico, conta com um carro de som e faixas com mensagens das reivindicações. A Polícia Militar não possui acionamento para o endereço.

*Com supervisão de Mariana Rosetti, da Agência Record

Últimas