Quadrilha de falsos policiais civis promove assaltos em SP

Em um dos crimes, os assaltantes roubaram R$ 300 mil em jóias. Há duas semanas, levaram uma carga milionária de eletrônicos de uma transportadora

Carro era disfarçado de uma falsa viatura policial

Carro era disfarçado de uma falsa viatura policial

Reprodução/Record TV

Uma quadrilha se disfarçava de policiais civis e com falsos mandados de busca e apreensão e entrava na casa das vítimas, em São Paulo. Em um dos crimes, os assaltantes roubaram R$ 300 mil em jóias. Há duas semanas, levaram uma carga milionária de eletrônicos de uma transportadora.

Um carro preto foi todo preparado para se passar por uma viatura descaracterizada da Polícia Civil. Sirenes e sinalizadores eram acionados para enganar as vítimas. Até na placa traseira estava escrita a palavra polícia.

A quadrilha usava armamento pesado. Os suspeitos usavam o veículo e os disfarces de policiais para assaltar residências. Os criminosos se passavam por investigadores. Chegavam com um falso mandado de busca e apreensão. Intimidavam as vítimas e conseguiam entrar nas casas.

Uma mulher teve prejuízo de R$ 300 mil em jóias e relógios de ouro. "Tocaram a sirene primeiro”, relatou. “Aí, eles começaram a gritar meu nome completo na porta. Uns homens com camisa da Polícia Civil, com distintivo da Polícia Civil fazendo um superescândalo mesmo. Parecia que eu era a criminosa."

"Eles entraram sem dizer que era um assalto. Pegaram tudo o que eles quiseram, enfiaram nos bolsos dos casacos sem a gente ver."

A quadrilha usava a mesma estratégia nas rodovias: simulava fiscalizações e abordava caminhoneiros na beira da estrada para roubar a carga.

Há duas semanas, os criminosos fizeram um assalto milionário em uma transportadora, em São Paulo. Os criminosos chegaram em uma van branca. Um deles pulou o muro e arromba o portão pelo lado de dentro. Em menos de 10 minutos levaram quase R$ 5 millhões em mercadoria. A falsa viatura preta fez a escolta pra carreta.

A polícia prendeu um dos principais assaltantes da quadrilha. Na casa dele, além de um fuzil, havia muita droga.