São Paulo Quatro suspeitos morrem após troca de tiros com a PM em assalto

Quatro suspeitos morrem após troca de tiros com a PM em assalto

Outros dois criminosos conseguiram fugir. Alvo da ação era casa de bolivianos em Guarulhos (SP). Nove pessoas estavam no imóvel

  • São Paulo | Letícia Assis, da Agência Record

Três suspeitos morrem após troca de tiros com a PM durante assalto em Guarulhos

Três suspeitos morrem após troca de tiros com a PM durante assalto em Guarulhos

Reprodução Record TV

Quatro suspeitos morreram após troca de tiros com a Polícia Militar durante um assalto a uma residência de bolivianos em Guarulhos, região metropolitana de São Paulo, na madrugada desta quarta-feira (24). Outros dois conseguiram fugir.

De acordo com a Polícia Militar, o imóvel invadido fica na rua José Inácio Gomes, no Jardim Presidente Dutra, na região do Pimentas. O crime ocorreu por volta das 2h15.

Equipes do 44° Batalhão estavam em patrulhamento pela região quando foram acionadas via 190 sobre um roubo a residência em andamento. Segundo a Polícia Civil, foram duas solicitações: uma de um vizinho que percebeu a movimentação estranha e outra de uma das vítimas que conseguiu se desamarrar e ligar para a PM.

Os policiais se deslocaram até o endereço e fizeram uma pequena operação para entrar na casa por dois pontos diferentes. No local, foram recebidos a tiros pelo grupo que fazia a família refém. Segundo a PM, cerca de seis homens participaram do roubo.

Houve troca de tiros entre criminosos e policiais, que revidaram os disparos. Durante o tiroteio quatro pessoas foram baleadas.

De acordo com informações preliminares da polícia, todos os feridos são suspeitos. Três homens morreram no local e um quarto foi socorrido ao Hospital Municipal Pimentas do Bonsucesso, em Guarulhos, mas não resistiu.

Outros dois integrantes do grupo conseguiram fugir pelos telhados de imóveis vizinhos. Até o momento não há informações se os suspeitos também foram feridos ou se conseguiram levar algo da residência.

O helicóptero Águia, do Grupamento Aéreo da Polícia Militar, também foi acionado para prestar apoio na ocorrência nas buscas pelos criminosos. 

A PM ainda informou que o imóvel alvo da quadrilha é dividido em duas casas, uma no andar térreo e outra no andar superior. Ao todo, nove pessoas estavam dentro da residência, incluindo dois bebês recém-nascidos. As vítimas foram amarradas. 

Segundo a polícia, o grupo invadiu o local para roubar dinheiro guardado pelas vítimas dentro do imóvel.

O local é preservado por equipes da Polícia Militar. O caso é apresentado no 4° Distrito Policial de Guarulhos.

Últimas