São Paulo Reeleito, Bruno Covas toma posse da Prefeitura de SP nesta sexta (1°)

Reeleito, Bruno Covas toma posse da Prefeitura de SP nesta sexta (1°)

Cerimônia será transmitida em tempo real na Câmara Municipal e terá a presença de poucos convidados devido à pandemia

Reeleito, Bruno Covas ficará a frente da maior cidade do país por mais 4 anos

Reeleito, Bruno Covas ficará a frente da maior cidade do país por mais 4 anos

Amanda Perobelli/Reuters - 29.11.2020

O prefeito reeleito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), toma posse oficialmente do cargo nesta sexta-feira (1°) em cerimônia na Câmara de Vereadores, no centro da capital. O evento está marcado para as 15h. Por causa da pandemia do novo coronavírus, foram adotadas medidas mais restritivas e está proibido o acesso de pessoas à galeria do Plenário 1° de Maio. Também foi limitada a entrada ao gabinete parlamentar para um funcionário e apenas um convidado.

Os protocolos de segurança foram ampliados para atender ao decreto que retornou, interinamente, todo o estado para a fase vermelha da quarentena entre os dias 1 e 3 de janeiro. Apenas serviços essenciais poderão funcionar normalmente.

A recomendação é que as autoridades eleitas optem preferencialmente pela participação no sistema virtual.

Na capital paulista, a sessão solene será transmitida pelo YouTube. Covas fará o discurso acompanhado do vice-prefeito, Ricardo Nunes (MDB). Nenhum outro evento oficial foi agendado.

Sessão solene

Na cerimônia, os 55 vereadores eleitos na capital paulista tomam posse para a 18ª Legislatura. No ato também serão empossados o prefeito e o vice.

De acordo com o Regimento Interno da Casa, a cerimônia será presidida pelo vereador mais velho, que é o Eduardo Suplicy (PT), de 79 anos.

Na ocasião, os parlamentares também elegem os integrantes da nova Mesa Diretora da Câmara para 2021. São escolhidos o presidente da Casa, 1° vice-presidente, 2° vice-presidente, 1° secretário, 2° secretário e o corregedor-geral.

Caso algum parlamentar não tome posse em 1° de janeiro, ele tem um prazo de 15 dias, desde que o motivo seja considerado justo e aceito pela Câmara.

Toda a solenidade poderá ser acompanhada virtualmente numa página especial: http://www.saopaulo.sp.leg.br/posse2021. Ou ainda no link do Plenário 1° de Maio, no sistema de auditórios online, no canal do Legislativo paulistano no YouTube, no canal 8.3 da TV aberta digital e pelas redes sociais da Câmara.

Últimas