São Paulo Repórter da Globo é expulso de concentração no largo da Batata

Repórter da Globo é expulso de concentração no largo da Batata

Caco Barcellos, da equipe do Profissão Repórter, deixou o protesto sob xingamentos

Repórter da Globo é expulso de concentração no largo da Batata

O jornalista da Globo, Caco Barcellos, da equipe do programa Profissão Repórter, foi expulso por um grupo de manifestantes que se concentrava no largo da Batata, zona oeste de São Paulo, por volta das 17h40 desta segunda-feira (17).

Ao encontrarem o repórter da emissora em gravação no local, as pessoas gritavam: a "Globo é mentirosa" e expulsaram o jornalista com palavras de ofensa.

Após o fato, a reportagem do R7 presenciou duas equipes da emissora gravando em meio à concentração com o microfone sem o logo de identificação da emissora.

O R7 procurou a assessoria de imprensa da TV Globo, mas até a publicação desta notícia não havia comentado.

Mais de 60 mil pessoas se concentravam no largo da Batata às 18h15.

O protesto estava marcado para as 17h. O movimento é organizado pelo MPL (Movimento Passe Livre). Até o fim desta tarde mais de 230 mil pessoas haviam confirmado presença no protesto.

Esta é a quinta manifestação realizada na cidade em razão do último aumento da passagem. A última aconteceu na quinta-feira (13) e foi marcada por atos de violência e repressão policial.

Universitários preparam faixas e cartazes

"Ninguém será detido por levar vinagre", garante secretário de segurança de São Paulo

Muitas pessoas carregavam faixas brancas e havia manifestantes com o corpo enrolado na bandeira do Brasil.