Novo Coronavírus

São Paulo Santo André (SP) decreta luto oficial após morte de vereadora por covid

Santo André (SP) decreta luto oficial após morte de vereadora por covid

Marilda Brandão, de 46 anos, era do PSD e chegou a ser transferida de hospital, mas não resistiu às complicações da doença 

  • São Paulo | Do R7, com informações da Agência Record

Marilda Brandão morreu aos 46 anos em decorrência da covid-19

Marilda Brandão morreu aos 46 anos em decorrência da covid-19

Divulgação / Câmara de Santo André

A Prefeitura de Santo André, no ABC Paulista, decretou luto oficial de três dias após morte da vereadora Marilda Brandão, de 46 anos, por covid-19 na manhã desta sexta-feira (12).

Em nota, a prefeitura lamentou a morte da vereadora do PSD: "Uma vítima da covid-19 em Santo André. Marilda, que sempre foi uma grande guerreira e lutou com empenho e determinação pela regularização do Centreville, perde esta batalha contra o vírus e nos deixa de maneira precoce".

A vereadora foi internada no hospital de Campanha Pedro Dell'Antonia em 16 de fevereiro, mas teve o quadro da saúde agravado e foi transferida para o CHM (Centro Hospitalar do Município) em 4 de março, onde veio a óbito em decorrência de complicações.

O prefeito Paulo Serra (PSDB) decretou luto oficial de três dias e registrou "sinceros sentimentos aos familiares, aos vereadores e a todos os amigos".

Últimas