São Paulo colocará 200 fiscais para evitar aglomerações no litoral

Secretário de desenvolvimento regional, Marcos Vinholli afirmou que a responsabilidade de fiscalizar as máscaras e regular espaços é dos municípios

Prefeitos devem aumentar fiscalização em feriado de 7 de setembro

Prefeitos devem aumentar fiscalização em feriado de 7 de setembro

WILTON JUNIOR/ESTADÃO CONTEÚDO/01.05.2020

O governador João Doria afirmou, nesta quarta-feira (2), que irá colocar 200 fiscais para ajudar a fiscalizar as cidades do litoral de São Paulo para evitar aglomerações durante a pandemia do novo coronavírus.

Leia mais: Praias lotadas e aglomerações preocupam governo de São Paulo

"A responsabilidade de fiscalizar as máscaras, regular espaços é dos municípios, a Polícia Militar vai ter seu efetivo máximo nas ruas e blitz nas rodovias ocorrerão", afirmou Marcos Vinholli, secretário de desensolvimento regional.  

"O dia 7 de setembro é um feriado nacional. As prefeituras devem intensificar fiscalização. É absolutamente imprudente que as pessoas façam aglomeração em praias, praças e locais públicos", afirmou Doria.

Leia mais: SP contrata mil psicólogos para atender alunos e professores

O governador João Doria fez um apelo aos jovens, pais, amigos e avós para que não façam agomerações. "É muito preocupante as circuntâncias que vimos no último fim de semana quando 200 mil veículo se dirigiram ao litoral", afirmou Doria. "Tudo o que não queremos é reverter os bons índices que conquistamos até aqui. Não é hora de aglomerar."