Novo Coronavírus

São Paulo São Paulo vai vacinar profissionais de saúde a partir de 47 anos

São Paulo vai vacinar profissionais de saúde a partir de 47 anos

Campanha tem início na segunda-feira (19). São esperados cerca de 40 mil trabalhadores nas 468 UBSs para receber a dose

  • São Paulo | Do R7

Cidade de SP vai começar a vacinar profissionais de saúde a partir de 47 anos

Cidade de SP vai começar a vacinar profissionais de saúde a partir de 47 anos

Jorge Silva/Reuters - 01.04.2021

A partir de segunda-feira (19), a Prefeitura de São Paulo vai começar a vacinar contra a covid-19 trabalhadores dos serviços de Saúde com 47, 48 e 49 anos. O público-alvo é de cerca de 40 mil pessoas.

Podem ser imunizados profissionais que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, como hospitais, clínicas, ambulatórios e laboratórios. A categoria engloba médicos, enfermeiros/técnicos e auxiliares, nutricionistas, fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos e técnicos de laboratório que façam coleta de RT-PCR, também farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais da educação física e médicos veterinários.

A vacina estará disponível nas 468 UBSs (Unidades Básicas de Saúde), de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, ou nas AMAS/UBS Integradas, das 7h às 19h, inclusive aos sábados e feriados.

Outra opção são os três centros de Saúde. São eles:

- CS Escola Barra Funda - Alexandre Vranjac - Av. Dr. Abrãao Ribeiro, 283 - Bom Retiro
Atendimento para vacinação: de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h

- CS Escola Geraldo de Paula Souza - Av. Dr. Arnaldo, 925 - Sumaré
Atendimento para vacinação: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

- CS Escola Samuel Barnsley Pessoa - Av. Vital Brasil, 1.490 - Butantã
Atendimento para vacinação: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

Os 17 SAEs (Serviços de Atenção Especializada), postos volantes, farmácias e drive-thru em UBS, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

A Secretaria Municipal de Saúde recomenda que as pessoas busquem a vacina de maneira gradual para evitar aglomerações nos postos da capital e que preenchem o pré-cadastro no site Vacina Já para agilizar o tempo de atendimento.

Últimas