São Paulo São Silvestre terá apenas atletas vacinados e não permitirá público

São Silvestre terá apenas atletas vacinados e não permitirá público

Tradicional corrida na avenida Paulista volta em dezembro de 2021 depois de interrupção inédita causada pela pandemia de Covid-19

  • São Paulo | Do R7, com Agência Estado

O queniano Kibiwott Kandie foi o campeão da São Silvestre de 2019

O queniano Kibiwott Kandie foi o campeão da São Silvestre de 2019

Agência Brasil/Rovena Rosa - 31/12/2019

A tradicional Corrida Internacional de São Silvestre não foi realizada em 2020 por causa da pandemia de Covid-19. A 96ª edição está confirmada para o fim do ano, com rigorosas medidas de segurança e, desta vez, sem o tradicional apoio do público, que incentiva os corredores ao longo dos 15 quilômetros do percurso pelas ruas de São Paulo, na avenida Paulista. As inscrições estão abertas e somente atletas vacinados poderão participar da disputa.

A prova será realizada no dia 31 de dezembro, mas a realização da entrega dos kits não ocorrerá na data. Será nos dias 27, 28 e 29 (das 9 às 20 horas) e 30 de dezembro (9 às 16 horas).

"Para a retirada do kit, o atleta inscrito deverá apresentar documento de identidade original com foto (RG, RNE, carteira de motorista ou passaporte) e carteira ou comprovante de vacinação completa contra a Covid-19, para vacinas de duas doses ou vacinas de dose única, impresso ou digital no formulário oficial do SUS ou governo de sua cidade ou de seu país", informou a organização da corrida.

Os organizadores também ressaltaram que mesmo quem não tiver o comprovante de vacinação mas mostrar o teste negativo não poderá participar. Os atletas com apenas uma dose da vacina terão de apresentar também o teste negativo do tipo RT-PCR com validade de 48 horas ou o teste rápido de antígeno (nasal) com validade de 24 horas antes de entrarem na corrida.

"A regra se estende também ao staff, prestadores de serviços, imprensa e participantes da Expo", completou a empresa. 

Palco de comemoração da chegada de um novo ano e também sempre cheia de gente para apoiar a chegada dos corredores, a avenida Paulista, desta vez, estará vazia. "No dia da prova, haverá controle de acesso e não será permitida a presença do público na área da avenida Paulista", alerta a organização do evento.

De Bolsonaro a Chapolin: veja fantasias usadas na São Silvestre

Últimas