Seguranças do Metrô terão câmeras para monitoramento em uniformes

Programa será implementado em oito estações, em 350 seguranças. Até dia 30 de outubro, previsão é de que 1.200 agentes estejam com equipamento

Seguranças do Metrô de São Paulo vão usar câmera acoplada ao uniforme

Seguranças do Metrô de São Paulo vão usar câmera acoplada ao uniforme

Reprodução/Governo de SP

Agentes do Metrô de São Paulo começarão a utilizar câmeras de segurança acopladas aos uniformes a partir da segunda-feira (3). O anúncio foi feito nesta sexta-feira (31) pelo governador João Doria, durante coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes.

Leia mais: PM de SP terá câmera em uniformes para reduzir violência policial

"O metrô de São Paulo, a partir de segunda-feira, os agentes passarão a utilizar câmeras acopladas aos uniformes. O programa será implementado inicialmente em oito estações do Metrô, em 350 seguranças, da mesma maneira que fizemos na Polícia Militar de São Paulo", afirmou o governador.

Leia mais: Vale do Ribeira regride de fase e põe em risco volta às aulas em São Paulo

Até o dia 30 de outubro, a previsão do governo é de que 1.200 profissionais estejam com os equipamentos. "As câmeras vão aumentar a transparência, melhorar a qualidade da segurança aos usuários e melhorar o atendimento para quem utiliza o Metrô para trabalhar e se deslocar", disse Doria.

O secretário de transportes Alexandre Baldy afirmou ainda que o Metrô adquirou 350 câmeras que serão utilizadas pelos 1.200 profissionais para a melhora do serviço e para quando for necessária a intervenção do segurança.