SP: 20% dos policiais e familiares já tiveram contato com coronavírus

Resultados são preliminares de testes sorológicos em 70 mil agentes de segurança e pessoas que vivem na mesma residência

Objetivo é testar 135 mil policiais e familiares

Objetivo é testar 135 mil policiais e familiares

Cris Faga/Folhapress - 30.4.2020

Os testes de anticorpos realizados pelo governo de São Paulo em agentes de segurança pública e familiares deles demonstram que cerca de 20% já tiveram contato com o coronavírus.

O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, que coordena a rede de testagem no estado, ressaltou que cerca de 30 mil policiais e 40 mil familiares que vivem na mesma casa foram testados, totalizando 70 mil exames até agora.

Esta é uma população que está mais vulnerável a contrair o coronavírus por lidar diariamente com um grande número de pessoas, justificou Covas, acrescentando que cerca de 3.000 servidores da segurança pública estão afastados por covid-19 ou por suspeita da doença.

"A taxa de positividade, ou seja, de pessoas dessa população que foram expostas ao vírus e já adquiriram imunidade, é em torno de 20%", afirmou em entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira (4).

O plano de exames sorológicos entre policiais e familiares — iniciado em maio — prevê testar 145 mil paulistas. É o maior inquérito epidemiológico, em números, do país.