Novo Coronavírus

São Paulo SP: Centro de Contingência indica prorrogação de fase emergencial

SP: Centro de Contingência indica prorrogação de fase emergencial

Taxa de ocupação de leitos de UTI, atualmente acima de 90% em todo o estado, precisa cair para 75% para relaxar restrições

  • São Paulo | Daniela Salerno, da Record TV

Comércio da rua Santa Efigênia, no centro de São Paulo, amanheceu fechado nesta segunda (15)

Comércio da rua Santa Efigênia, no centro de São Paulo, amanheceu fechado nesta segunda (15)

Bruno Poletti / Folhapress - 15.03.2021

O Centro de Contingência do Coronavírus do estado de São Paulo indicou a necessidade de prorrogar a fase emergencial do Plano SP em todo o estado. A medida está em vigor desde o dia 15 de março e vale até o dia 30.

O endurecimento das regras de combate à pandemia é uma resposta ao agravamento do número de casos, internações e mortes pela doença em todo o estado. Para que seja retomada a fase vermelha é necessário que caia o número de novos casos e internações. A taxa de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) precisa chegar a 75%. Atualmente, está em 91,9% no estado e de 91,6% na Grande São Paulo.

Nesta terça-feira (23), no entanto, o estado registrou recorde de 1.021 óbitos nas últimas 24 horas. O número inclui dados acumulados do final de semana - a média foi de 94 cadastros por dia entre domingo (21) e segunda (22).

Últimas