Coronavírus

São Paulo SP divulga calendário da 3ª dose da vacina contra a covid-19

SP divulga calendário da 3ª dose da vacina contra a covid-19

Público-alvo dessa dose adicional no estado paulista é de 7,2 milhões de pessoas com mais de 60 anos ou imunossuprimidas

  • São Paulo | Guilherme Padin, do R7

Vacinação com a terceira dose começa no dia 6

Vacinação com a terceira dose começa no dia 6

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil - 19.06.2021

O governo de São Paulo divulgou na tarde desta quarta-feira (1º) o calendário da terceira dose da vacina contra a covid-19 para idosos acima dos 60 anos e imunossuprimidos.

O público-alvo da dose adicional no estado paulista é de 7,2 milhões de pessoas.

As datas de imunização para estes públicos serão de 6 de setembro a 10 de outubro.

São imunossuprimidos os pacientes transplantados, as pessoas que fazem hemodiálise e quimioterapia, fazem tratamento para Aids, entre outros. No caso deste público, basta ter completado o esquema vacinal há pelo menos 28 dias para tomar a terceira dose.

Para os idosos, a segunda dose deve ter sido aplicada há pelo menos seis meses. Aqueles que concluírem este período após 10 de outubro, data final deste cronograma, poderão procurar pelos postos de vacinação normalmente para a aplicação da dose adicional.

O coordenador executivo do Comitê Científico do Coronavírus, João Gabbardo, explicou o motivo da priorização da terceira dose aos imunossuprimidos.

"A questão dos imunossuprimidos é que, entre eles, a área que tem tido o pior resultado são os transplantados. Eles precisam ter uma prioridade maior porque tomam um medicamento para diminuir a rejeição a um órgão, essas pessoas terão uma priorização especial. Os demais vão ser analisados com calma dentro do PEI", afirmou Gabbardo.

Serrana (SP) aplicará terceira dose em massa

A cidade de Serrana, no interior de São Paulo, que vacinou em massa sua população para um estudo do Instituto Butantan chamado Projeto S, aplicará a dose adicional para cinco mil idosos.

Além da imunização das pessoas acima de 60 anos, a aplicação em massa da terceira dose também servirá para dar continuidade às pesquisas no município. 

"Com o anuncio da 3ª fase, temos que providenciar a vacinação de idosos com mais de 60 anos, com cinco mil doses de vacina para providenciar a vacinação desse contingente nas próximas semanas. Isso vai permitir o acompanhamento em relação a essa possível ameaça em relação a variante delta", afirmou Dimas Covas, diretor do Butantan.

O secretário da Saúde do estado, Jean Gorinchteyn, informou que São Paulo registrou queda nos três principais índices da pandemia na última semana epidemiológica. Os casos confirmados baixaram 8,4%, as internações foram reduzidas em 11,9% e os óbitos, em 20,7%.

Neste momento, segundo Gorinchteyn, a ocupação das UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) paulistas é de 35,1%, e na Grande São Paulo, de 35,9%. 

Acerca da aplicação da terceira dose com outras vacinas que não a CoronaVac, o secretário negou a possibilidade. “Todas as vacinas, independente se sejam voltadas para a covid ou gripe, têm menor resposta para a população idosa. É o envelhecimento do sistema imunológico que faz com que a resposta não seja a mesma de jovens ou adultos”, pontuou.

Confira o calendário da 3ª dose em SP

Confira as datas da vacinação com a terceira dose contra a covid-19

Confira as datas da vacinação com a terceira dose contra a covid-19

Reprodução/YouTube

6 a 12 de setembro - 90 anos ou mais

13 a 19 de setembro - 85 a 89 anos

20 a 26 de setembro - 80 a 84 anos e imunossuprimidos

27/09 a 3/10 - 70 a 79 anos

4/10 a 10/10 - 60 a 69 anos

Últimas