Coronavírus

São Paulo SP entrega 1 milhão de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde

SP entrega 1 milhão de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde

Vice-governador Rodrigo Garcia acompanhou a chegada da nova remessa, após Doria ter sido diagnosticado com covid-19

  • São Paulo | Do R7

Vice-governador Rodrigo Garcia acompanha chegada de nova remessa

Vice-governador Rodrigo Garcia acompanha chegada de nova remessa

Governo do Estado de São Paulo - 26.06.2021

São Paulo entregou mais 1 mihão de doses da vacina CoronaVac ao PNI (Programa Nacional de Imunização) do Ministério da Saúde, na manhã desta sexta-feira (16). O vice-governador Rodrigo Garcia acompanhou a chegada da nova remessa já que o governador João Doria foi diagnosticado com covid-19 na tarde de quinta-feira (15).

Com a remessa dessa sexta-feira, são 55.140 milhões de doses entregues ao Ministério da Saúde. O governo de São Paulo antecipou em 30 dias as 100 milhões de doses de imunizantes contratados pelo PNI. A previsão do Butantan e do governo paulista é entregar o quantitativo até o dia 31 de agosto. 

"Tomei a primeira dose há 15 dias e como tive contato com o governador João Doria fiz o teste de covid-19 e saiu negativo. Aproveito para dizer que o governador falou comigo, ele está bem com sintomas leves e trabalhando remotamente", disse Rodrigo Garcia durante coletiva de imprensa. Garcia afirmou que os sintomas de Doria equivalem aos de um "resfriado leve".

O secretário de saúde, Jean Gorinchteyn informou ainda que todas as pessoas que trabalham com Doria foram testadas. "Todos que tiveram sintomas foram acompanhados de foram mais minuciosa", disse ele. Gorinchteyn, Garcia e Regiane de Paula, coordenadora do PEI (Programa Estadual de Imunização) informaram que tiveram os testes de covid negativos. 

As novas entregas, iniciadas na quarta-feira (14), são referentes à produção de um novo lote de 10 milhões de doses processadas a partir dos 6 mil litros de IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo) recebidos no último dia 26 de junho. Na quarta-feira, o instituto liberou 800 mil doses e na quinta-feira (15), outras 200 mil. No total, nesta semana, foram entregues 2 milhões de doses.

A matéria-prima recebida no dia 26 foi envasada na fábrica do Butantan, na zona oeste da cidade de São Paulo, e passou por etapas como embalagem, rotulagem e controle de qualidade das doses.

As vacinas entregues hoje fazem parte do segundo contrato firmado com o Ministério da Saúde, de 54 milhões de vacinas. O primeiro, de 46 milhões, foi concluído em 12 de maio. O Butantan trabalha para completar, até o fim de agosto, 100 milhões de vacinas disponibilizadas ao Programa Nacional de Imunização (PNI), antecipando o prazo contratual.

Na madrugada de terça-feira (13), o instituto recebeu carga recorde de 12 mil litros de matéria-prima para produzir e entregar outras 20 milhões de doses. Uma nova remessa de IFA, com mais 12 mil litros, deve chegar até o final deste mês.

Últimas