Novo Coronavírus

São Paulo SP entrega 830 novos respiradores e Doria confirma mais mil em junho

SP entrega 830 novos respiradores e Doria confirma mais mil em junho

Até fim do mês, com novos respiradores entregues, Estado chegará ao total de 8.800 leitos. Governador também ressaltou atos democráticos

  • São Paulo | Do R7

Doria falou hoje (8) em coletiva de imprensa

Doria falou hoje (8) em coletiva de imprensa

Adeleke Anthony Fote/Estadão Conteúdo

O Estado de São Paulo entrega nesta semana 830 novos respiradores pelos hospitais públicos pelo Estado no combate à pandemia do novo coronavírus, como confirmou o governador João Doria em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (8).

Com isso, já são 1.627 respiradores entregues para hospitais em todo o Estado.

Doria prometeu, para até o fim de junho, mais mil respiradores. Assim, totalizando um número de 8.800 leitos para atendimento de coronavírus.

Doria elogia atos democráticos

Durante a coletiva, o governador ainda destacou positivamente as manifestações democráticas em atos pró e contra o governo de Jair Bolsonaro, que ocorreram no mesmo dia e horários em São Paulo, no domingo (7).

"As manifestações ocorreram de forma democrática e em paz. Apenas no Largo da Batata e sem anuência dos que organizaram a manifestação, cerca de 60 baderneiros vandalizaram. A PM agiu da forma correta, evitando danos ao patrimônio publico e ação de vândalos", disse Doria, que chamou os manifestantes presos de 'vândalos'.

Foram pessoas 17 detidas no início do dia, antes do início das manifestações, e mais 15 após o término dos atos.

A respeito das imagens de policiais militares agredindo manifestantes, Doria disse que os vídeos são analisados pela Corregedoria da Polícia Militar. "A orientação é que, se houve erro, que os errados sejam punidos", afirmou.

Últimas