São Paulo SP interdita 36 bares por funcionarem além das 22h

SP interdita 36 bares por funcionarem além das 22h

De acordo com a Secretaria das Subprefeituras, o maior número de interdições foi registrado em Pirituba e Jaraguá, com nove interdições cada

  • São Paulo | Do R7

 36 restaurantes e bares foram interditados por excederem o horário

36 restaurantes e bares foram interditados por excederem o horário

Daniel Teixeira/Estadão Conteúdo

Trinta e seis bares e restaurantes foram interditados pela prefeitura de capital paulista entre sexta-feira (14) e domingo (16) por funcionarem além das 22h, descumprindo o limite de horário estabelecido pelo governo estadual no Plano São Paulo.

O maior número de interdições foi registrado nos bairros de Pirituba e Jaraguá. Nove estabelecimentos foram enquadrados em cada bairro.

Houve sete interdições nos bairros de Santana e Tucuruvi, seis em Guaianases, quatro na Mooca, três em Sapopemba, duas na Sé, e apenas uma em São Miguel Paulista, Itaquera, Pinheiros, Jaçanã e Tremembé.

Na semana passada, o restaurante do chef Erick Jacquin, Président, fez parte da lista dos interditados por descumprimento do horário. O estabelecimento voltou a abrir as portas na sexta (14) após pagamento de multa.

Segundo a prefeitura, equipes da GCM ( Guarda Civil Metropolitana) e Polícia Militar fiscalizam diariamente os estabelecimentos que excedem o horário permitido pela legislação municipal e se estão disponibilizando mesas nas calçadas.

O valor da multa é de R$ 9.231,65, aplicada a cada 250m². Os estabelecimentos autuados devem solicitar a desinterdição na subprefeitura da região.

Últimas