São Paulo SP: presos suspeitos de praticar ao menos 12 assaltos em 15 dias

SP: presos suspeitos de praticar ao menos 12 assaltos em 15 dias

Dupla de moto abordava vítimas em ruas aparentemente calmas. Uma delas afirma que apontaram uma arma a sua filha de 12 anos

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

Motoqueiros assaltam correor na zona sul de São Paulo

Motoqueiros assaltam correor na zona sul de São Paulo

Reprodução/Record TV

Dois homems foram presos suspeitos de praticarem ao menos 12 assaltos nos últimos 15 dias na zona sul de São Paulo. Eles foram reconhecidos por dez vítimas. Um dos suspeitos tem uma tatuagem no braço, que facilitou a identificação. As informações são da Record TV.

Os homens agiam em ruas aparentemente tranquilas. Quase todas as vítimas foram surpreendidas quando faziam caminhadas ou algum tipo de atividade física. A ação é rápida e violenta.



"Nós ainda não sabemos ao certo se eles atuam sempre juntos ou se compartilham a mesma região de roubos", afirma o delegado Murilo Fonseca Roque.

Imagens de câmeras de monitoramento mostram três vítimas pouco antes da abordagem e, depois, os assaltantes fugindo em duas motos, com o que roubaram. Na semana passada, um homem que fazia exercicios na rua foi ameaçado com uma arma. Os dois ocupantes da moto levaram celular, corrente e relógio da vítima.



Uma mulher conta que foi roubada ao estacionar o carro na porta de casa. Ela estava com a cunhada e a filha, de 12 anos. “De repente apareceu a moto. Ele pegou e colocou [a arma] na cabeça da minha filha e falou: ‘Perdeu, perdeu, desliga o carro’”, descreve a vítima. “Aí ele começou a gritar que queria celular e queria a bolsa e falou que se a gente não entregasse ele ia matar minha filha.” A moto que aparece nas imagens foi apreendida.

Últimas