Novo Coronavírus

São Paulo Testagem de alunos para covid-19 começa nesta terça em Campinas

Testagem de alunos para covid-19 começa nesta terça em Campinas

Ação deverá ocorrer em mais quatro unidades da região. Segundo a Secretaria de Educação, serão testados 100 alunos e funcionários de cada instituição

  • São Paulo | Do R7

Testagem para a covid-19 em escolas de Campinas começa nesta terça-feira

Testagem para a covid-19 em escolas de Campinas começa nesta terça-feira

Leandro Ferreira / Fotoarena / Folhapress

A testagem para covid-19 entre alunos e servidores em escolas estaduais em Campinas começa às 9h desta terça-feira (20). Os testes terão início na Escola Estadual Culto à Ciência, localizada no bairro Botafogo, em Campinas.

A testagem terá a presença do secretário de educação Rossieli Soares e deverá ocorrer em mais quatro unidades educacionais da cidade. De acordo com a secretaria, cerca de 100 alunos de cada institução serão testados para a covid-19.

Testagem nas escolas

O Governo de São Paulo anunciou que irá começar a testar alunos e servidores na rede estadual de ensino a partir de segunda-feira (12). Ao todo, serão testados 10 mil alunos, além de 9,3 mil servidores. Segundo o governador João Doria (PSDB), o objetivo é realizar um inquérito epidemiológico e mapear o nível de infecção na rede estadual de ensino.

Leia também: Volta às aulas terá reabertura de só uma escola municipal de SP

Os exames realizados serão do tipo RT-PCR (teste do cotonete) em pessoas assintomáticas. Esse inquérito será feito em 20 municípios paulistas. Em cada um deles, cinco escolas serão sorteados e 100 alunos de cada instituição passarão pelo exame. Todos os servidores dessas escolas serão avaliados.

O retorno às aulas prensencias começou nesta quarta-feira (7), de forma opcional, para os alunos do ensino médio nas escolas públicas e particulares do estado de São Paulo. A medida vale também para estudantes da EJA (Educação de Jovens e Adultos).

Veja: SP irá testar alunos na rede estadual de ensino a partir de segunda (12)

A decisão de começar pelo retorno de jovens e adultos, segundo o governo se baseia no índice de evasão escolar. Em 125 municípios paulistas, aulas de reforço escolar e extracurriculares já começaram no dia 8 de setembro e tentam diminuir essa lacuna.

Últimas