São Paulo Travesti é presa após matar homem com golpes de faca na zona oeste

Travesti é presa após matar homem com golpes de faca na zona oeste

Polícia Civil investiga se morte na região do Butantã teria sido provocada por pagamento de programa ou tentativa de assalto

  • São Paulo | Ingrid Navarro, da Agência Record

Homem fica caído no chão e travesti é encontrada e presa na Marginal Pinheiros

Homem fica caído no chão e travesti é encontrada e presa na Marginal Pinheiros

Reprodução

Uma travesti foi presa depois de matar um homem com golpes de faca durante uma briga, por volta das 5h30 deste sábado (22), na avenida Valdemar Ferreira, 150, na região do Butantã, zona oeste de São Paulo. 

Leia mais: Homem morre afogado no parque Toronto, na zona norte de SP

Na gravação, feita por câmera de celular, é possível ver o momento em que homem começa a discutir com duas travestis. O pára-brisa do veículo teria sido quebrado momentos antes.

O motivo da discussão ainda será esclarecido pela Polícia Civil. Porém, há indícios que eles estavam brigando por causa de um valor de R$ 100. Não se sabe, porém, se era pagamento por programa ou tentativa de assalto.

Em outro vídeo, há o registro apenas da travesti e o homem durante a discussão. As imagens mostram que a travesti está com uma faca e começa a briga. O homem pega o que parece ser a blusa e joga sobre ela. Ela, então, vai em direção à ele com a faca e os dois começam a lutar.

Leia mais: Operação no Paraguai prende 10 por morte de jornalista brasileiro

Ambos caem ao chão. As imagens mostram a travesti esfaqueando o homem, que tenta se defender, mas não consegue. Ele grita que está sendo esfaqueado e pede por socorro.

Ferido, o homem fica caído no chão, enquanto a travesti levanta e vai embora com mais duas colegas de trabalho. As colegas entram num táxi, enquanto a agressora foge pela rua. Moradores da região chamaram pela Polícia Militar. O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi ao local e constatou a morte do homem.

Leia mais: Acidente com van deixa 2 mortos e 10 feridos na rodovia Anhanguera

Após o ocorrido, a travesti foi encontrada na Marginal Pinheiros, a cerca de 500 metros do local do crime. A polícia fez a abordagem, ela confessou o crime e está presa.

Até o momento, o nome da vítima não foi informado. O caso foi encaminhado ao 14º DP de Pinheiros. A polícia investiga o motivo da discussão.

Últimas