São Paulo Tuma pede que governo reveja horários de restaurantes em SP

Tuma pede que governo reveja horários de restaurantes em SP

Presidente da Câmara lembrou que protocolo do setor já previa a reabertura até às 22h, pois existem locais que só funcionam no período noturno

  • São Paulo | Do R7

Eduardo Tuma falou durante transmissão da assinatura de protocolos

Eduardo Tuma falou durante transmissão da assinatura de protocolos

Divulgação PMSP

Durante a assinatura dos protocolos de reabertura dos restaurantes e bares na cidade de São Paulo neste sábado (4), o presidente da Câmara Municipal de São Paulo, Eduardo Tuma (PSDB), fez um apelo público para que o governo do Estado reveja a limitação de abertura so setor até às 17h.

"Não parece lógico, mesmo que sob o ponto de vista da saúde, menos lógico ainda sob o ponto de vista econômico, pois existem restaurantes na cidade que só abrem no período noturno", afirmou Tuma. Ele lembrou ainda que o protocolo negociado com o setor já previa a reabertura até às 22h.

Ainda segundo o parlamentar, a Vigilância Sanitária do Município afirmou que há como controlar internamente as questões sanitárias de isolamento sem aglomerações garantindo segurança aos frequentadores.

Últimas