São Paulo Vereadores aprovam em 1º turno Lei de Diretrizes Orçamentárias de SP 

Vereadores aprovam em 1º turno Lei de Diretrizes Orçamentárias de SP 

Previsão orçamentária da capital paulista para 2021 é de R$ 68,5 bilhões. Projeto de lei ainda precisa ser aprovado em segundo turno

Câmara dos Vereadores de São Paulo

Câmara dos Vereadores de São Paulo

VAN CAMPOS/ FOTOARENA /ESTADÃO CONTEÚDO - 16.07.2020

A Câmara dos Vereadores de São Paulo aprovou em primeiro turno nesta quinta-feira (30) a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) que define os gastos municipais em 2021. O PL (Projeto de Lei) 252/2020, do Executivo, estabelece as metas fiscais e as prioridades da administração pública para o ano que vem.

É LDO que orienta a elaboração da LOA (Lei Orçamentária Anual), que estima as receitas e fixa as despesas do Executivo para o ano seguinte. A previsão orçamentária da capital paulista para 2021 é de R$ 68,5 bilhões. O projeto ainda precisa ser aprovado em segunda votação.

Últimas