Apagões pelo Brasil

São Paulo Vídeo mostra apagão em hospital de Cajamar, na Grande São Paulo

Vídeo mostra apagão em hospital de Cajamar, na Grande São Paulo

Gerador da instituição não teve energia suficiente no momento da queda. Segundo a prefeitura, não houve pacientes prejudicados

  • São Paulo | Mariana Rosetti e Guilherme Alves, da Agência Record

Apagão ocorreu nesta quarta (19)

Apagão ocorreu nesta quarta (19)

Reprodução

O Hospital Municipal de Cajamar, na região metropolitana de São Paulo, passou por uma queda de energia na noite desta quarta-feira (19).

Segundo informou a prefeitura do município, não houve pacientes prejudicados com o apagão no local.

A gestão municipal afirmou também que, embora o hospital possua um gerador, o equipamento não teve energia suficiente no momento da queda.

Ainda de acordo com a prefeitura, pacientes que estavam no pronto-socorro foram encaminhados para outras clinicas e a área do centro cirúrgico e da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) não foi afetada.

Vídeo obtido pela reportagem mostrou o local sem energia, com corredores e a área de atendimento sem luz.

Confira as imagens:

Veja o posicionamento da prefeitura de Cajamar:

A Prefeitura de Cajamar, por meio da Secretaria da Saúde, informa que na noite da última quarta-feira (19), houve uma queda de energia no Hospital Municipal Enfermeiro Antônio Policarpo de Oliveira, porém, a situação foi rapidamente resolvida e nenhum paciente foi prejudicado.

O Hospital possui gerador, no entanto, no momento da queda o gerador não teve energia suficiente para suprir a cabine secundária, posteriormente, foi identificado que o fusível NH de alta tenção desde gerador estava queimado.

Assim que aconteceu essa falta de energia, a equipe de profissionais do Hospital imediatamente elaborou um plano de contingência e emergência, agilizando a transferência dos pacientes que estavam aguardando no Pronto Socorro para serem encaminhados para outras clinicas. Além disso, a área do centro cirúrgico e da UTI está com novas instalações elétricas e não faltou energia em nenhum momento, com isso, todos os casos de emergência foram mantidos neste local.

Em relação aos medicamentos, todos os remédios permaneceram intactos, visto que, existe uma farmácia dentro da UTI, onde os medicamentos estavam armazenados.

Últimas