São Paulo Após reportagem do R7, atleta paralímpico doa cadeira de rodas a cabeleireiro

Após reportagem do R7, atleta paralímpico doa cadeira de rodas a cabeleireiro

Uma reportagem do R7 sobre o furto de uma cadeira de rodas de um cabeleireiro do Grajaú, na zona sul de São Paulo, comoveu o atleta paralímpico Fernando Fernandes no final de 2017.

Por meio das redes sociais, Fernandes leu o texto e descobriu o drama de Rafael Miranda Eugênio, 29 anos. De forma muito discreta, procurou o rapaz e doou uma nova cadeira de rodas.

Ao R7, Fernandes poupou palavras para evitar uma promoção pessoal com o caso: "Não queria divulgar muito isso, foi só para fortalecer o moleque".

Já Rafael era só agradecimentos ao atleta paralímpico: “Agora já era, vou voltar à minha rotina normal, trabalhando e praticando esporte".

    Access log