São Paulo Governador de SP evita falar em favoritismo para prévias do PSDB

Governador de SP evita falar em favoritismo para prévias do PSDB

Doria concorre contra o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, e o ex-prefeito de Manaus, Artur Virgílio Neto

O governador de São Paulo, João Doria, afirmou nesta quarta-feira (27) que não é o favorito nas prévias do PSDB, mas garantiu que vai disputar o voto assim como ocorreu em outras duas prévias. Ele concorre contra o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, e o ex-prefeito de Manaus, Artur Virgílio Neto. 

"Não quero me colocar dessa maneira, até porque tenho humildade. Eu venci duas prévias e nunca anunciei antecipadamente vitória, mas nunca contestei prévias ou fiz acusações aos candidatos que disputaram comigo. Eleição não é tapetão, é no voto", revelou.

Em entrevista, Doria falou que o PSDB busca ser a terceira via nas eleições: "Muito tempo ainda pras eleições de 2022. Um ano é uma eternidade para a vida política no Brasil. Creio sim que teremos não só a terceira via como a melhor via para as eleições. As prévias do PSDB representam isso, o fortalecimento dessa terceira via. Aquele que vencer as prévias, sairá fortalecido para ser a terceira via, pelo PSDB, mas pelo Brasil, com a capacidade de dialogar com outros partidos e líderes". A reportagem é de Leonardo Lara, da Record TV em Dubai (Emirados Árabes Unidos).

Últimas