São Paulo Vítimas das chuvas podem solicitar saques do FGTS até semana que vem

Vítimas das chuvas podem solicitar saques do FGTS até semana que vem

Retirada dos recursos podem ser realizadas até o dia 13 de junho em agências da Caixa em São Paulo e em algumas cidades do ABC Paulista

temporais

Saques liberados totalizam R$ 19.224.980,92

Saques liberados totalizam R$ 19.224.980,92

Bruno Rocha/Fotoarena/Estadão Conteúdo - 11.03.2019

Moradores da cidade de São Paulo e de alguns municípios do ABC, prejudicados pelas chuvas e inundações em março, têm até semana que vem para solicitar em uma agência da Caixa Econômica o saque dos recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

Ao todo, são 7.826 saques liberados no valor total de R$ 19.224.980,92.

O prazo final para o pedido de retirada dos recursos nas agências varia conforme a cidade onde o trabalhador reside e respectivas datas de publicações das Portarias do Ministério do Desenvolvimento Regional no Diário Oficial, que reconheceram o estado de Calamidade Pública de cada uma das regiões.

Chuva deve causar prejuízo de R$ 45 mi para o comércio de SP e do ABC

Para os moradores de São Paulo, São Bernardo do Campo, Santo André, Mauá, Diadema e Ribeirão Pires, o prazo limite para o pedido dos recursos expira no dia 12.

Os moradores de São Caetano do Sul e Rio Grande da Serra têm até o dia 13 para solicitar o saque.

A solicitação dos recursos é destinada aos trabalhadores residentes nas áreas atingidas e cujas residências foram efetivamente afetadas pelos temporais.

Os saques estão limitados a R$ 6.220 por conta. De acordo com a Caixa, é necessário ter saldo em conta para realizar a retirada e o trabalhador não pode ter se utilizado do FGTS por emergência em período inferior a um ano.

Temporal deixa mortos e causa mais de 600 pontos de alagamento

Para efetuar a solicitação, os trabalhadores afetados pelas chuvas devem comparecer a uma agência da Caixa e apresentar um documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência e carteira de trabalho.

A documentação será conferida e, se não houver pendências, a vítima poderá efetivar o saque em até 5 dias úteis após o pedido.