São Paulo Volta às aulas presenciais será optativa na rede municipal de SP

Volta às aulas presenciais será optativa na rede municipal de SP

Conselho Municipal de Educação prepara resolução para deixar que pais possam escolher por não mandar os filhos à escola em um possível retorno 

  • São Paulo | Beatriz Leite e Isabelle Gandolphi, da Agência Record

Conselho prepara resolução para tornar medida optativa

Conselho prepara resolução para tornar medida optativa

Dirceu Portugal /Fotoarena/Folhapress – 06.05.2020

O Conselho Municipal de Educação de São Paulo está preparando uma resolução para permitir aos pais optarem por não mandar os filhos à escola em um eventual retorno presencial de aulas. Os responsáveis que fizerem esta opção poderão seguir com ensino a distância com o acompanhamento da Secretaria Municipal de Educação, de acordo com nota enviada nesta terça-feira (28) pela prefeitura.

A Câmara dos Vereados de São Paulo deve realizar nesta quarta-feira (29) a primeira votação do projeto de lei 452/2020, que trata da volta às aulas presenciais, permite a contratação de até 20% de professores temporários e contratar vagas de ensino infantil na rede privada, em um limite de até 5% - o que corresponde a 14 mil vagas.

A proposta estava em debate nesta terça-feira em audiência online. A expectativa é que o projeto seja aprovado até semana que vem já em segunda votação para ser encaminhado à sanção do prefeito.

Últimas