Novo Coronavírus

Saúde 2ª onda da pandemia bate recorde diário de casos no Reino Unido

2ª onda da pandemia bate recorde diário de casos no Reino Unido

Reino Unido registrou 6.634 casos de covid-19 na quinta-feira (24), seu maior número diário, o que reflete a 2ª onda e também nível mais alto de exames

Reuters - Internacional
O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, reativou algumas restrições

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, reativou algumas restrições

Aaron Chown/PA Wire/Pool via REUTERS - 20.9.2020

O número de pessoas infectadas com covid-19 na Inglaterra aumentou 73% na semana encerrada em 19 de setembro, de acordo com uma estimativa oficial que sublinhou o ressurgimento da pandemia no Reino Unido.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, reativou algumas restrições na tentativa de conter uma segunda onda de infecções antes do inverno.

Leia também: Deficiência imunológica explica 14% do casos graves de covid-19

O Reino Unido registrou 6.634 casos de covid-19 na quinta-feira (24), seu maior número diário, segundo dados do governo, o que reflete a segunda onda, mas também um nível muito mais alto de exames do que o da primeira onda.

O Escritório de Estatísticas Nacionais (ONS) procura estimar os números de infecção na comunidade para além daqueles que foram examinados.

Funcionária de conselho com colete de segurança em Wrexham, no Reino Unido

Funcionária de conselho com colete de segurança em Wrexham, no Reino Unido

Phil Noble/Reuters 24.09.2020

A estimativa do modelo, baseada em amostras da população, leva a crer que os casos novos de Covid-19 na Inglaterra dispararam para cerca de 9.600 por dia na semana encerrada em 19 de setembro, disse o ONS --mais do que os cerca de 6 mil diários da semana anterior.

O ONS disse que cerca de 103.600 pessoas do país tinham a doença durante aquela semana, o equivalente a uma de cada 500 pessoas e muito acima das 59.800 de sua estimativa da semana prévia.

"A estimativa mostra que a taxa de incidência da Inglaterra aumentou nas últimas semanas", disse o ONS, ressaltando o noroeste, Yorkshire e Humber, Londres e o nordeste como áreas em que o índice de infecções está aumentando.

Londres foi acrescentada a uma lista nacional de alerta de Covid-19, disseram os Conselhos de Londres, que representam os 32 setores da cidade e a City.

Isto significa que mais restrições localizadas, como a proibição de interação entre vizinhos, podem vir a seguir, embora nenhuma medida adicional já tenha sido adotada.

Últimas