Coronavírus

Saúde Anvisa termina inspeção na fábrica da vacina de Oxford

Anvisa termina inspeção na fábrica da vacina de Oxford

Inspetores da agência estão na China e já haviam realizado visita na fábrica da CoronaVac; resultado da inspeção deve ser divulgado em janeiro

  • Saúde | Do R7

Inspetores da Anvisa durante visita à fábrica da Astrazeneca/Oxford na China

Inspetores da Anvisa durante visita à fábrica da Astrazeneca/Oxford na China

Divulgação Anvisa

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) terminou nesta sexta-feira (11) a inspeção na empresa Wuxi Biologics, na China, fabricante dos insumos biológicos ativos utilizados pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), no Rio de Janeiro, na produção da vacina da AstraZeneca/Oxford.

Leia também: AstraZeneca testará combinação de vacina britânica com Sputnik V

Os inspetores haviam iniciado as visitas na China na fábrica da CoronaVac na semana anterior. O objetivo, segundo a agência, é verificar as boas práticas de fabricação das empresas. A CoronaVac e a vacina de Oxford passaram por testes no país. A CoronaVac entrou no plano estadual de vacinação de São Paulo e o governo federal tem acordo prévio com a vacina de Oxford.

"É importante esclarecer que a conclusão do processo de certificação ocorrerá com a emissão do Relatório de Inspeção pela equipe de inspetores designados pela Anvisa, após a apresentação de informações adicionais decorrentes da inspeção, a serem enviadas pela Fiocruz", afirmou a Anvisa por meio de comunicado.

O resultado das inspeções deve ser divulgado entre a primeira e segunda semana de janeiro, segundo a agência. 

Últimas