Brasil atinge 1.926.824 casos de covid-19; mortes vão a 74.133

País tem 1.209.208 pessoas recuperadas da doença sistêmica provocada pelo novo coronavírus. Saúde confirmou 1.300 óbitos e 41.857 infectados em 24h

Brasil é segundo em número de óbitos no mundo

Brasil é segundo em número de óbitos no mundo

SUAMY BEYDOUN/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

O Brasil atingiu 1.926.824 casos confirmados de covid-19, nesta terça-feira (14), de acordo com informações atualizadas pelo Ministério da Saúde. Nas últimas 24 horas, as secretarias estaduais notificaram 41.857 novos infectados. 

O País, no entanto, segue em primeiro lugar em número de recuperados em todo o mundo. Do contingente total, o governo estima que 1.209.208 pessoas já estão curadas da infecção. Há, ainda, 643.483 em "acompanhamento", que são as ocorrências registradas nos últimos 14 dias e que não evoluíram para óbito.

Entre ontem e hoje, segundo a pasta, foram confirmadas 1.300 mortes provocadas pela doença sistêmica causada pelo novo coronavírus. Com isso, o Brasil acumula 74.133 vítimas fatais desde o primeiro registro oficial, em 17 de março, em São Paulo. 

OPAS: Brasil não atingiu imunidade de rebanho

Marcos Espinal, diretor para doenças infecciosas da OPAS (Organização Pan-Americana de Saúde), disse hoje que ainda não há evidências de que o País tenha atingido a chamada imunidade de rebanho —quando grande parte da população está imunizada. 

"Para atingir essa imunidade, é estimado que entre 50% e 80% da população de determinado local precisa estar imune ou ter sido infectada pelo vírus", disse.