Brasil tem 27.878 mortes e 465.166 casos confirmados de covid-19 

Com 1.124 notificações entre ontem e hoje, o país acaba de ultrapassar a Espanha em número de óbitos; governo confirmou 26.928 novos infectados

País é o segundo em número de casos em todo o mundo

País é o segundo em número de casos em todo o mundo

SANDRO PEREIRA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

O Brasil acaba de ultrapassar a Espanha e, agora, é o 5º país em número total de mortes por covid-19 em todo o mundo. Segundo o Ministério da Saúde, em balanço divulgado nesta sexta-feira (29), foram notificados 1.124 novos óbitos nas últimas 24 horas, com 27.878 vítimas fatais ante 27.121 registrados pela nação europeia desde o início da pandemia. 

Diante dos dados apresentados pela pasta, o país também se aproxima da França, 4ª no ranking, com 28.665 pessoas mortas. Na ponta, de acordo a Universidade Johns Hopkins, estão os Estados Unidos (102.201), enquanto Reino Unido (38.243) e Itália (33.229) aparecem logo na sequência. 

Em relação ao contingente de infectados, as secretarias estaduais e municipais de saúde confirmaram 26.928 casos entre ontem e hoje. Com isso, o Brasil tem 465.166 diagnosticados com a doença respiratória provocada pelo novo coronavírus. Pelas estimativas do governo federal, no entanto, 189.476 pessoas já estão recuperadas da covid-19. 

Integram o grupo, de acordo com o Ministério da Saúde, todos os diagnosticados que enfrentaram os 14 dias de quarentena preventiva e, também, aqueles que receberam alta dos leitos hospitalares. Considerando os dados do último balanço, é possível identificar um crescimento constante do indicador.

Veja a situação de cada Estado do Brasil:

São Paulo: 101.556 casos (7.275 mortes)
Rio de Janeiro: 47.953 casos (5.079 mortes)
Amazonas: 38.909 casos (2.011 mortes)
Ceará: 38.395 casos (2.859 mortes)
Pará: 36.486 casos (2.827 mortes)
Pernambuco: 32.255 casos (2.669 mortes)
Maranhão: 30.482 casos (911 mortes)
Bahia: 16.917 casos (609 mortes)
Espírito Santo: 12.903 casos (560 mortes)
Paraíba: 12.011 casos (327 mortes)
Minas Gerais: 9.232 casos (257 mortes)
Distrito Federal: 8.722 casos (154 mortes)
Alagoas: 8.618 casos (406 mortes)
Santa Catarina: 8.530 casos (134 mortes)
Amapá: 8.469 casos (207 mortes)
Rio Grande do Sul: 8.234 casos (213 mortes)
Rio Grande do Norte: 6.463 casos (268 mortes)
Sergipe: 6.462 casos (142 mortes)
Acre: 5.841 casos (135 mortes)
Piauí: 4.503 casos (146 mortes)
Rondônia: 4.502 casos (145 mortes)
Paraná: 4.236 casos (173 mortes)
Tocantins: 3.611 casos (70 mortes)
Goiás: 3.319 casos (119 mortes)
Roraima: 3.098 casos (108 mortes)
Mato Grosso: 2.103 casos (56 mortes)
Mato Grosso do Sul: 1.356 casos (18 mortes)