Novo Coronavírus

Saúde Casos de coronavírus passam de 1,84 milhão e OMS vê desaceleração

Casos de coronavírus passam de 1,84 milhão e OMS vê desaceleração

Há três dias, casos diários chegaram a 90 mil, a maior registrada, mas números vem caindo. Nas últimas 24 horas, foram registrados 70 mil casos

Número de novos casos de covid-19 
no mundo cai

Número de novos casos de covid-19 no mundo cai

Hamad I Mohammed/Reuters - 14.4.2020

O número de casos de covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, superou a marca de 1,84 milhão, com os 70 mil a mais registrados nesta terça-feira (14), segundo divulgou a Organização Mundial de Saúde (OMS), que apontou para uma desaceleração nos últimos quatro dias.

Em 11 de abril, a marca de novas infecções foram de mais de 90 mil, a maior em três meses. Desde então, os números relativos aos novos contágios apresentam tendência de baixa. Apesar disso, a OMS segue com o discurso de cautela e de defesa das medidas restritivas.

As mortes chegaram, na contabilização da organização, a 117.021, em um crescimento diário de quase 5,4 mil, o que também representa uma queda, já que no último dia 10 foi alcançada a marca de 7,2 mil falecimentos.

A Europa segue como o continente mais afetado, com 943 mil casos, seguido das Américas, com quase 645 mil. O alerta, por sua vez, vem da África, que tem menor contágio, mas superou nesta terça-feira a barreira dos 10 mil casos.

Segundo as informações divulgadas pela OMS, a partir das autoridades de saúde de cada país, o número de curados da Covid-19 é de 463 mil pessoas. Por outro lado, 41 mil pacientes estão em estado considerado grave ou crítico.

Últimas