Coronavírus

Saúde Covid-19: Anvisa informa que 1ª e 2ª doses devem ser da mesma vacina

Covid-19: Anvisa informa que 1ª e 2ª doses devem ser da mesma vacina

Imunização contra o coronavírus não pode ser realizada com doses de vacinas diferentes, informou a Anvisa nesta quinta-feira (25)

  • Saúde | Do R7

Roque de Sá/Agência Senado - 23.03.2021

As vacinas aplicadas contra a covid-19 não são intercambiáveis, ou seja, a primeira e a segunda dose devem ser realizadas com imunizantes do mesmo fabricante, segundo informou a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) nesta quinta-feira (25).

Em nota, a agência afirmou que não existem informações sobre a eficácia da vacinação contra a covid-19 realizada com doses de fabricantes diferentes. “Não há dados que sustentem que a troca de fabricantes de vacinas entre a primeira e a segunda dose produza resposta imune ao Sars-CoV-2”, diz o comunicado.

A orientação da Anvisa é de que o vacinado comunique imediatamente à equipe de saúde caso identifique a troca dos imunizantes entre as duas doses, e leve o cartão de vacinação. Os profissionais de saúde devem registrar a ocorrência no sistema e-SUS Notifica.

Em relação aos fabricantes, a agência pede que uma ocorrência seja registrada por eles no sistema VigiMed e que o sistema de farmacovigilância seja ativado para o acompanhamento do caso.

Últimas