Novo Coronavírus

Saúde Covid-19: China concede 1ª patente de vacina para CanSino

Covid-19: China concede 1ª patente de vacina para CanSino

A empresa afirma que negocia com Rússia, Brasil e Chile para lançar testes nesses países; no Brasil, as chinesas Sinovac e Sinopharm já atuam

Reuters - Internacional
A vacina da CanSino vai realizar testes da fase três na Arábia Saudita

A vacina da CanSino vai realizar testes da fase três na Arábia Saudita

Arquivo/ Pixabay

A empresa chinesa especializada em vacinas CanSino obteve aprovação de patente junto ao governo chinês pra sua candidata a vacina contra a covid-19, Ad5-nCOV, informou a mídia estatal, citando documentos do órgão regulador de propriedade intelectual do país.

É a primeira patente para uma vacina contra Covid-19 concedida pela China, informou o jornal estatal Diário do Povo no domingo.

Leia também: Vacinação massiva contra covid-19 começará em um mês na Rússia

O jornal publicou documentos da Administração Nacional de Propriedade Intelectual da China que afirmam que a patente foi concedida no dia 11 de agosto.

A Arábia Saudita anunciou neste mês que pretende iniciar os testes clínicos de Fase 3, a última antes do registro da vacina, da candidata da CanSino no país. A empresa disse que também negocia com Rússia, Brasil e Chile para lançar ensaios clínicos de Fase 3 nesses países.

Últimas