Novo Coronavírus

Saúde Covid-19: Niterói recruta voluntários para teste da Coronavac

Covid-19: Niterói recruta voluntários para teste da Coronavac

Vacina da chinesa Sinovac em pareceria com Instituto Butantan tem testes coordenados pela Fiocruz no Rio de Janeiro; 850 pessoas serão selecionadas

  • Saúde | Do R7

A Coronavac é desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac

A Coronavac é desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac

Dado Ruvic/Reuters

A cidade de Niterói, no Rio de Janeiro, está recrutando voluntários para teste da vacina Coronavac, desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac Biotech, que passa por teste em seis Estados brasileiros.

O recrutamento em Niterói está sendo realizado na Policlínica Dr. Sérgio Arouca, em parceria com a Fundação Municipal de Saúde de Niterói, com coorendação da  A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz). O objetivo é recrutar cerca de 850 voluntários, segundo divulgado pela Fiocruz.

Leia também: Sinovac diz que vacina é eficaz contra várias cepas do coronavírus

A participação é restrita a profissionais de saúde que atuem diretamente no cuidado de pacientes infectados pela covid-19. Além disso, devem cumprir os seguintes critérios: ter mais de 18 anos, não ter sido contaminado pelo novo coronavírus previamente, não participar de outros experimentos, não estar grávida nem ter intenção de engravidar nos próximos meses, não apresentar doenças crônicas não-controladas e ter registro ativo no conselho profissional da sua área, de acordo com a Fiocruz.

O atendimento será realizado apenas com hora marcada. Os interessados devem enviar e-mail para vacinacovid19vitalbrasil@gmail.com com nome completo, telefone, ocupação e instituição. 

Os voluntários vão passar por entrevista e avaliações médicas. Caso concordem com os termos do estudo, receberão duas doses da vacina, com 14 dias de intervalo. Metade receberá a vacina e a outra metade, placebo. Todos serão monitorados por um ano para avaliação da eficácia da vacina e de reações adversas.

O objetivo dessa terceira e última fase de testes é avaliar a eficácia e a segurança da vacina contra o novo coronavírus. Cerca de 9 mil pessoas devem participar desses testes no país.

Últimas