Doações de órgãos crescem 20% nos nove primeiros meses do ano

Estados que apresentaram melhor desempenho foram Santa Catarina, Ceará, Distrito Federal, São Paulo e Rio Grande do Sul

De janeiro a setembro de 2012, foram transplantados 168 corações no País

De janeiro a setembro de 2012, foram transplantados 168 corações no País

Getty Images

As doações de órgãos no Brasil cresceram 20% no período que compreende de janeiro a setembro de 2012.

Sem autorização da família, não há doação de órgãos

Segundo a ABTO (Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos), o País chegou à marca de 1.852 doadores, 20% a mais em comparação ao mesmo período do ano passado.

Os Estados que apresentaram melhor desempenho foram Santa Catarina (com 25,6 doadores por milhões de habitantes), Ceará (22,1), Distrito Federal (20,8), São Paulo (19,1) e  Rio Grande do Sul (17).

Tire suas dúvidas sobre a doação de órgãos

No período foram realizados 4.086 transplantes de rim, 1.239 de fígado, 168 de coração, 118 de pâncreas, 50 de pulmão e 11.744 de córnea. 

Enquanto os transplantes de pulmão apresentam um aumento significativo de 43%, os de coração aumentaram 40%.